Murais de Mawé – Filhos do Guaraná
nov18

Murais de Mawé – Filhos do Guaraná

O projeto murais de Mawe e, neste mês de novembro finaliza com chave de ouro, e com isso a cidade de Maués ganhara 2 novos pontos turístico, dando as ruas do município cores e vida que relatam a cultura mística do fruto do guaraná e do povo que o domesticou, e o cultivou de forma religiosa e econômica. O projeto vem sendo desenvolvido pelo artista visual Erick Dammon, que por sua vez trouxe para o município a cultura urbana em forma de graffiti muralismo, que por sua vez já desenvolve a mais de duas décadas na capital do estado. Hoje morador de Maués fez valer o legado que carrega como artista urbano, e vendo que não existia tais murais que representassem tais culturas, propôs ao projeto de auxílio federal o projeto que hoje é denominado murais de Mawe, e com a parceria com a Ong ALIANÇA GUARANA DE MAUÉS, executa ao mesmo momento o projeto filhos do guaraná que carrega o mesmo conceito e embasamento relacionado ao fruto e ao povo originário FILHOS DO GUARANA (SATERE-MAWE), e ribeirinhos produtores do produtos originados a partir do fruto relacionado ao projeto. Tivemos uma grande repercussão na produção do primeiro mural, e com a execução dos dois outros dois que serão pintados, pretendemos alcançar muito mais o público, pois será de grande importância educacional e turística para a cidade. Agradecemos a Deus pela oportunidade e todos os órgãos envolvidos em tais realizações artísticas sócio educacional e cultural, pois a ajuda veio em uma boa hora em podemos concretizar projetos e sonhos. Nesse próximo capitulo teremos a participação de 2 artistas convidados, MEGA ARTES E TÉO ONDA, ambos muralistas de nome no contexto arte urbana do AMAZONAS, e assim vamos fortalecer um ao outro nesses grandes painéis de muitas cores, trações e histórias e serem...

Leia Mais
Patrícia Noronha lança primeiro livro destinado ao público infantil
nov09

Patrícia Noronha lança primeiro livro destinado ao público infantil

A escritora amazonense Patrícia Noronha vai lançar seu novo livro “O Cãozinho, Maru o Gato e outras Poesias”, primeira obra com temática voltada para o público infantil. O lançamento será no próximo dia 13 de Novembro, das 9h às 12h, no Parque Municipal do Mindu, localizado na rua Domingos José Martins, S/N, bairro Parque Dez. De acordo com a autora, o livro contém dez poesias ilustradas de forma lúdica para encantar as crianças. “São poesias sobre temas simples e encantadores. Para apreciá-las só precisa ser criança de idade ou de coração. O cãozinho, o gato Maru, o beija-flor, o girassol, a deliciosa brincadeira de descobrir figuras nas nuvens e vários outros temas são apresentados de forma poética. Como há várias poesias sobre animais no livro achamos que seria muito bacana fazer um evento no Parque do Mindu que é uma área de conservação ambiental, para valorizar os animais silvestres e uma arrecadação aos pets resgatados que tem tanto amor para dar e sempre fazem a alegria de tantas famílias, especialmente nesse período de pandemia”, acrescenta. No livro, Patrícia Noronha recria um ambiente de diversão e acolhimento. “A vontade de escrever poesias para crianças nasceu quando eu atuava como voluntária no Instituto Ler para Crescer, em Manaus, desenvolvendo atividades de leitura com crianças a partir de quatro anos de idade”, explica. “A poesia ‘O menino’ foi inspirada em um garotinho de quatro anos que acordava sozinho todo domingo, ansioso para ir à aula”, lembra. Pré-lançamento No último sábado (06), a escritora promoveu um pré-lançamento do livro aos alunos do Centro Social Roger Cunha Rodrigues, localizado no bairro Novo Aleixo, Zona Leste de Manaus. Na ocasião foram distribuídos gratuitamente 40 exemplares do livro às crianças e adolescentes participantes do projeto.  “Participei como voluntária no ‘Roger Cunha’ por dois anos, fui inspirada pelas crianças e o pré-lançamento lá com eles não seria diferente”, acrescenta. Sobre o livro A obra é a terceira escrita por Patrícia e a primeira destinada ao público infantil, tendo um espaço ao final do livro para que a criança se sinta estimulada a escrever suas próprias poesias,  desenhos e pinturas. O livro foi editado pela Alva Editora, de Juiz de Fora-MG, revisão de Amanda Marques Fidelis. A montagem é de Alberto Pinto e edição geral de Valéria Magalhães. As ilustrações foram feitas pelo artista plástico Ivan Sitta, que em seu portfólio possui uma infinidade de produções artísticas, desenhos, exposições e ilustrações, como nas duas edições da “Redarte do Colégio Marcelina – A Literatura em Preto e Branco”, em São Paulo-SP. Sobre a autora Patrícia Noronha é natural de Benjamim Constant (AM), mãe do Matheus e do Lucas, funcionária...

Leia Mais
Pajelança Cabocla: documentário sobre medicina tradicional tem estreia em novembro
nov01

Pajelança Cabocla: documentário sobre medicina tradicional tem estreia em novembro

O documentário Pajelança Cabocla refere-se ao conjunto de saberes populares da Amazônia que são passados de geração em geração e abordará parte dessa Pajelança, agricultores locais das comunidades que utilizam da medicina tradicional como remédios alternativos.“Por motivos pandêmicos (COVID-19) não foi possível ouvir os anciãos da comunidade, mas, depoimentos de agricultores locais que utilizam de plantas amazônicas como remédios alternativos enriqueceram da mesma forma na construção cultural amazonense”, comenta a produtora Isabelly Maria. A ideia do curta-metragem veio do contato dos idealizadores do roteiro, Dr. Ronaldo Silva e Vanessa Cidrônio, com comunidades tradicionais durante pesquisas etnobotânicas, onde foi observado a forte ligação desses povos com as tradições indígenas/caboclas de cura e prevenção de doenças em contraponto com a Medicina Tradicional Chinesa. A produção é realizada pela estreante Picote Produções que trás um olhar lento e contemplativo, sob direção e fotografia de André Cunha, montagem e som Lucas Carvalho. O filme tem data de estreia no dia 05 de novembro sendo exibido de maneira remota pelo canal da produtora. Pajelança Cabocla é um projeto contemplado pelo edital Cultura Criativa / Lei Aldir Blanc – Prêmio Encontro das Artes,2020. Ficha Técnica Direção e Fotografia – André Cunha Montagem e som – Lucas Carvalho Produção – Isabelly Maria Pesquisa – Vanessa Cidrônio Roteiro – Dr Ronaldo Silva Arqueóloga – Suzanne...

Leia Mais
Picote Produções lança  revista Canoas na Zona Rural de Presidente Figueiredo-AM
out25

Picote Produções lança revista Canoas na Zona Rural de Presidente Figueiredo-AM

A primeira edição da Revista Canoas tem um teor educativo e cultural, voltado a comunidade Rio Canoas em Presidente Figueiredo (AM), para o público infantil trazendo um olhar simples e educativo, exaltando a rica história dessa terra amazônica. Produzida pela Picote Produções, o conteúdo da revista traz o piloto da historinha Maru: Uma Aventura no Urubui, escrito por André Cunha e ilustrado por Frank Kitzinger, onde um garoto chamado Maru junto a animais Dona Onça e Galo-da-Serra, personalidades ícones da cidade, revivem o passado desse lugar em uma viagem de canoa até a Comunidade Rio Canoas. A Revista Canoas também apresenta atividades lúdicas envolvendo o universo do gibi, como jogo dos erros, jogo da memória e mais. Chegando à comunidade Rio Canoas no último dia 20 de outubro para os alunos do ensino fundamental do 1º ao 4º ano da Escola Municipal Santa Terezinha, Km 139 Vila Do Canoas – Zona Rural, Presidente Figueiredo – Amazonas. As arqueólogas Isabelly Maria e Suzanne Fernandes são as idealizadoras do projeto. De acordo com Isabelly, o objetivo da Revista é sensibilizar a sociedade para questões de aspecto cultural e arqueológico por meio de uma narrativa lúdica. “Tivemos um cuidado especial com o roteiro da revista para que ela tivesse uma linguagem de fácil compreensão, pois o conteúdo foi feito para as crianças. A preservação da memória local de Presidente Figueiredo é importante demais para ser esquecida, e a Canoas resgata memórias antigas e pré-históricas para a realidade local e atual dessas crianças”, acrescenta. Sobre a Picote Produções Formada há três anos, a Picote Produções é uma produtora de comunicação com foco em produções em audiovisual, empreendedorismo e conteúdo digital. A empresa é composta por uma equipe peculiar e multidisciplinar de três pessoas: André Cunha (Jornalista), Isabelly Maria (Arqueóloga) e Lucas Carvalho (Eng. de Materiais). Revista Canoas – FICHA TÉCNICA Coordenação: Picote Produções Idealização: Isabelly Maria Vieira Gomes Produção Executiva: Lucas Carvalho Cruz Pesquisa: Vanessa Cidrônio de Paula Oliveira Arqueologia: Suzanne Lima Fernandes Design: André Vella Andrade Roteiro: André Cunha Ilustração: Frank Kitzinger Este projeto foi um dos contemplados pela Lei Aldir Blanc 2020 por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do...

Leia Mais
O Lixo Transformado Em Arte celebra 18 anos do grupo Curumim na Lata
set29

O Lixo Transformado Em Arte celebra 18 anos do grupo Curumim na Lata

O curta-documentário O Lixo Transformado em Arte. O Lixo Transformado em Arte é um curta-documentário de 15 minutos sobre o grupo de percussão alternativa Curumim na Lata, que celebra 18 anos de existência transformando e educando pais e alunos no Centro de Artes e Educação (CMAE) Anibal Beça, zona Leste de Manaus, com ensino pautado em música e meio ambiente. Grupo de Percussão alternativa Curumim na Lata. No curta somos inseridos no bairro de São José Operário em uma aula de estudo sonoro do professor e idealizador Rámon Carlos Torres Valdez, venezuelano, que conta os anos de história do grupo e o processo de transformação, não só aplicada a reutilização de materiais descartados como instrumentos alternativos, mas, das crianças, jovens e famílias que frequentam o centro de artes do bairro para boas práticas de cidadania. Este material inédito será exibido no Espaço ECAM, Manauara Shopping – Av. Mario Ypiranga, 1300 – no dia 08/10 às 10h30, data que será realizada a exposição “Curumim na Lata: 18 anos de história, música e sustentabilidade” uma realização do CMAE Anibal Beça e Oca do Conhecimento Ambiental (SEMED). O curta foi contemplado pela Lei Aldir Blanc 2020 por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Amazonas. Ficha Técnica: Produção: Picote Produções Direção e fotografia: André Cunha Roteiro: André Cunha e Isabelly Maria Montagem e edição: André Cunha Captação e desenho de som: Lucas...

Leia Mais
‘A Escola Vai ao Teatro’ apresenta workshops
set01

‘A Escola Vai ao Teatro’ apresenta workshops

Serão ensinadas técnicas de Contação de Histórias, a História do Teatro e Criação de Personagens. “A Escola Vai ao Teatro 2021” A programação do projeto “A Escola Vai ao Teatro 2021” já está acontecendo no palco do Teatro Manauara proporcionando o contato com a arte do teatro, de forma gratuita. E esta 5ª edição apresenta mais uma novidade: Workshops sobre Teatro, abordando técnicas de Contação de Histórias, A origem e influência do teatro e Criação de Personagens, durante os dias 28 de agosto e 02, 04, 10 e 11 de setembro, no Teatro, localizado no Piso Buriti, do Manauara Shopping. As inscrições já estão sendo realizadas, gratuitamente, para professores, estudantes universitários e público ligado às artes cênicas, por meio do e-mail: projetoescola@teatromanauara.com.br ou pelo fone: (92) – 3342 8032, com vagas limitadas. O projeto tem apoio do Ministério da Cidadania, por meio da Secretaria Especial da Cultura, com patrocínio cultural da Bemol e InfoStore. WORKSHOPS TEATRAIS As palestras apresentarão “Técnicas de Contação de Histórias” – como ferramenta pedagógica e formação de plateia, a partir da aproximação dos alunos com a arte. Outro tema a ser abordado será “Da Grécia para o Mundo” – A origem e influência do teatro na história da sociedade ocidental ainda sobre “Criação de Personagem a partir do método Stanislaviski” – voltado para atores iniciantes e apaixonados pelas Artes Cênicas, através do estudo do primeiro livro da trilogia do sistema Stanislaviski “A Preparação do Ator”. O facilitador dos workshops será Roger Barbosa, técnico em Artes cênicas, formado como instrutor pelo SEBRAE AM, ator e professor de teatro com 27 anos de experiência e diretor da Interarte Escola, Produtora e Cia de Teatro;CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DOS WORKSHOPS: · Dias 28/08 e 04/09 – de 9h às 11h – Técnicas para Contação de Histórias; · Dias 02 e 04/09 – de 19h30 às 21h – Criação de Personagem, a partir de Stanislaviski; · Dias 10 e 11/09 – de 19h30 às 21h – História do Teatro – Da Grécia para o Mundo. O projeto A Escola Vai ao Teatro A 5ª edição do projeto “A Escola Vai ao Teatro” já começou e terá mais apresentações gratuitas, durante os dias 30 e 31 de agosto e 1º de setembro, em sessões às 9h e 15h, no palco do teatro, localizado no Piso Buriti, do Manauara Shopping, para escolas da rede pública de ensino que realizaram agendamentos gratuitos, previamente. O projeto proporciona apresentações teatrais, com temáticas socioambientais e realização de workshops para público de interesse em artes cênicas, de forma gratuita.Durante as apresentações estão sendo seguidas as regras sanitárias preventivas do momento, visando a segurança e saúde dos participantes....

Leia Mais