Jander Manauara e convidados no Tacacá na Bossa
jul20

Jander Manauara e convidados no Tacacá na Bossa

O Hip Hop Amazonense a cada dia ganha mais força, visibilidade e destaque nas ruas e eventos culturais diversos, e um grande articulador desse movimento é o Rapper, VídeoMaker e Produtor cultural, Jander Manauara, completando esse ano 15 anos de estrada no Rap Amazonense, faz sua estreia no Tacacá na bossa. O projeto Tacacá na bossa com Jander Manauara e convidados acontecerá hoje, dia 20 de junho no largo São Sebastião as 19 Horas. Uma realização do Tacacá da Gisela e apoio da SEC – AM. Ganhador do Prêmio Xibé da Música Amazonense (2013 – categoria Revelação), e o Prêmio de personalidade do Movimento Hip-Hop (2014), fez participações em 2015 nos discos de Lucilene Casto, Marcelo Nakamura, Eduardo Branco, além de várias participações com Tucumanos, Cileno e Cabocrioulo entre outros. Com dois discos lançados já se prepara para o seu próximo álbum que sairá em outubro desse mesmo ano intitulado “Manauara em Extinção”. A multiplicidade cultural faz parte da história desse manauara, e como produtor foi idealizador do projeto Hip Hop a Parada Final que levou para os terminais de integração uma roda de Break, além de assinar direção de clipes dentro da cena local. “Todo conhecimento adquirido em parcerias com outras produtoras, é repassado para os protagonistas do Hip-Hop que poem a mão na massa para fazer suas próprias produções audiovisuais como teaser, videoclipes entre outras”, conta o Rapper que prepara para o próximo ano, um documentário sobre as vertentes do Hip-Hop Manauara. E todo esse caldo cultural urbano é encontrado nas letras de cunho regional e satirizado do olhar manauara das situações da cidade e do cenário amazonense como um todo. “Não romantizar demais a Amazônia já é um meio de trazer novos adeptos para nova cena musical da cidade, hoje é tudo muito dinâmico, rápido e prático e eu tento sincronizar nas letras o ritmo do rio com o nosso tempo dos afazeres pessoais e virtuais”, explicou Jander. Nessa edição o Show contará com participação de alguns grupos de rap entre eles Shadowclan, Real MCs, Igor Muniz, Código de Honra. O grafite ao vivo fica por conta de Wanessa Liz, e o break também se fará presente nessa mostra com um punhado de batalha de improviso com temas escolhidos pelo púbico e lógico o show de Rap regional com o próprio Manauara. “Muito bom todo esse sincronismo que está acontecendo na cena cultural amazonense, envolvimento de vários seguimentos em prol da arte, e o Hip Hop está pela causa, está pelas ruas e vem desenvolvendo muita coisa boa como já acontece no resto do brasil, convite feito e quarta, tamo junto caboco! ” Contato oultimodosmanauaras@gmail.com Redes...

Leia Mais
Erumtrio vence categorias populares do Prêmio Xibé
dez30

Erumtrio vence categorias populares do Prêmio Xibé

Alaídenegão, Dona Celeste, Nekrost e Morgados também estão entre os premiados! O Dia X foi neste domingo, dia 27, na Drum Pub, no Centro de Manaus. Dez artistas foram contemplados no 4° Prêmio Xibé da Música Amazonense. O evento também comemorou o aniversário de dois anos do primeiro portal colaborativo de notícias do Amazonas. O Portal Xibé, é uma iniciativa da empresa Xibé Comunicação Ativa para fomentar novos escritores sobre acontecimentos e opiniões sobre a cidade. Ao longo desses dois anos, foram mais de 900 posts originais compartilhados por 85 colaboradores de todas as editorias. A comemoração do aniversário, acontece na noite do 4º Prêmio Xibé da Música Amazonense, a partir das 19h, na boate Drum Pub, rua Saldanha Marinho, 780, Centro. União dos artistas em prol da música é uma das propostas da premiação, a escolha dos vencedores foi definida por meio de três júris, popular, curadoria e Xibé. A votação popular aconteceu pelo site premioxibe.com.br com mais de 40 bandas indicadas. Um dos critérios fundamentais para participação é que os artistas tivessem se apresentado pelo menos uma vez ao longo de 2015. Clique aqui para ver a lista completa de vencedores. Ainda na noite da premiação, teve também a segunda batalha de MCs organizada pelo Xibé. Xibé da Rima 2.0 foi comandada por Jander Manauara e DJ Carapanã. O Melhor MC foi o Eric Sousa que na final, derrotou o MC Benevides do grupo Shadowclan. Eric levou pra casa um helicóptero de controle remoto mais um lanche especial da Jam Street Burguer e o Benevides, levou uma camiseta da loja Hey You. O terceiro lugar ficou com MC Charuto, Ayrton Dias que ganhou um DVD de Skate. Outra atividade foi a I Mostra de Videoclipes, com 15 vídeos de bandas amazonenses, selecionados pelos curadores Rafael Vieira e Douglas Mandrake. No telão, também teve uma Mostra de Fotografia de Hannah Gonçalves, Marla Freire e Rogger Diego Dommenget por curadoria de Rakel Caminha. A apresentação ficou por conta da jornalista Wanessa Leal e pra não deixar ninguém ficar com fome, a moçada do Street Burguer assumiu o menu com sanduiches especiais em sabores e valores diferenciados. Segue abaixo lista dos vencedores: Melhor Banda Erumtrio   Melhor Música Carrossel / Erumtrio   Baixista Considerado Agenor Vasconcelos / Alaídenegão   Baterista Considerado Thiago Leão / Nekrost   DJ Considerado Marcos Tubarão   Guitarrista Considerado Rosivaldo Cordeiro   Vocalista Considerado Adriana Melo / Dona Celeste   Revelação 2015 Morgados   Melhor Festa II Festival Alienígena de Artes   Menção Honrosa Pirão AM   Veja também a lista dos vídeos exibidos pela mostra 1 – 0000 – Living One More Day (Official Videoclip...

Leia Mais
VENCEDORES 4° Prêmio Xibé da Música Amazonense
dez28

VENCEDORES 4° Prêmio Xibé da Música Amazonense

Melhor Banda Erumtrio   Melhor Música Carrossel / Erumtrio   Baixista Considerado Agenor Vasconcelos / Alaídenegão   Baterista Considerado Thiago Leão / Nekrost   DJ Considerado Marcos Tubarão   Guitarrista Considerado Rosivaldo Cordeiro   Vocalista Considerado Adriana Melo / Dona Celeste   Revelação 2015 Morgados   Melhor Festa II Festival Alienígena de Artes   Menção Honrosa Pirão AM   Xibé na Rima 2.0 Melhor MC Eric...

Leia Mais
4° Prêmio Xibé da Música Amazonense – PROGRAMAÇÃO
dez27

4° Prêmio Xibé da Música Amazonense – PROGRAMAÇÃO

18h – Final das Inscrições para a Batalha de Rima 18h30 – Abertura dos portões 19h – Mostra de videoclipes 1 – 0000 – Living One More Day (Official Videoclip – HD) 2 – Alaídenegão – Piranha e Bebé (Clipe) 3 – Antiga Roll – Cantiga de Chapar (Lyrics Video) 4 – Combustível – Banda Vibe Positiva (Videoclipe) 5 – Contando Estrelas – Casulo (webclipe) 6 – Dona Celeste – Convite ( Clipe Oficial ) 7 – Eu não quero ser como os outros – The Mones 8 – Johnny Jack Mesclado – Añoranza (Videoclipe) 9 – Kely Guimarães – ESSÊNCIA (Videoclipe) 10 – Luneta Mágica – LULU 11 – Pacato Plutão – Eu Uso Negro (clipe oficial) 12 – Supercolisor – Três Luzes Fixas [Invern Sessions Brasileiríssimos] 13 – THE STONE RAMOS – DOIDA, DESALMADA E ATREVIDA VÍDEO CLIPE 14 – ZONA TRIBAL SUICIDIO FULL HD 20h Xibé na Rima 2.0 – Batalha de MCs 20h30 Apresentação da curadoria e entrega de certificados 21h Entrega dos troféus de Melhor Festa/ Guitarrista Considerado e Melhor Música 21h30 show Erumtrio 22h30 Entrega de troféus Revelação 2015 / Vocalista Considerado/ Baterista Considerado / DJ Considerado 23h Final da Batalha 23h30 Entrega de troféus Melhor Baixista, Melhor Banda e Menção Honrosa 0h PARABÉNS PORTAL XIBÉ! 0h30 Eutanase 1h30 show...

Leia Mais
Curadoria Considerada define line-up do Prêmio Xibé
dez23

Curadoria Considerada define line-up do Prêmio Xibé

As apresentações musicais do 4° Prêmio Xibé da Música Amazonense foram definidas pela Curadoria Considerada. As bandas Alaídenegão, Eutanase e Erumtrio foram eleitas para tocar na noite da premiação, dia 27 de Dezembro, a partir das 19h, na Drum Pub & Club, localizada na rua Saldanha Marinho, 780, Centro. A banda Platinados cancelou a participação na premiação por motivos de saúde, a escolha da Erumtrio, foi feita por uma enquete lançada na fan page do Prêmio Xibé. Os ingressos custam R$10 para a pista, quem tiver o nome na lista ou estiver concorrendo na premiação pagam R$8. Para fazer parte da Lista Amiga, basta confirmar presença no evento do Facebook. A casa tem capacidade de lotação para 500 pessoas, vários ambientes climatizados, área para fumantes, lounge, espaço gastronômico e muito mais.   Formada por 15 participantes, a Curadoria também elegeu os artistas vencedores das categorias Baixista Considerado, Guitarrista Considerado, Baterista Considerado, DJ Considerado e Vocalista Considerado.  Os curadores Rafael Vieira e Douglas Mandrake também estão responsáveis pela I Mostra de Videoclipes, a proposta é reunir sem caráter competitivo, todos os materiais audiovisuais produzidos no Amazonas. Júri Xibé Com base nas indicações do público no início da campanha os indicados para as categorias do Júri Xibé: Melhor Festa e Revelação 2015 serão eleitos pela equipe do Xibé Comunicação Ativa. Segue abaixo a lista dos indicados para as categorias de Melhor Festa e Revelação 2015: Revelação 2015 About TrustAcid Queens Dirigível HeVé Holodomor Levianos Mak Mak Morgados Nativos MC’s Ojuaras Band Renegados pelo Sistema República Regional     Melhor Festa Até o TucupíCarnatrance Confraria dos Hereges Festival Alienígena de Artes Festival Cauxi Galo de Manaus Happy Holy – Festa das Cores Jacundá Jarakillers Fest Malaba Jam Festival Mama Rock O Som que Acende a Lua Reveillonda Sundreams Vinil Rock Live     Xibé na Rima O início da festa será por conta do Xibé na Rima 2.0, a segunda batalha de MCs, apresentada pela equipe do Orígenas, capitaneada por Jander Manauara e DJ Carapanã, vencedores do 2º Prêmio Xibé na categoria de Revelação. As inscrições para a batalha estão abertas, custam R$10 e podem ser feitas antecipadamente, o telefone de contato é 98119-2013 falar com Chewsea.  O primeiro andar da casa será exclusivo para o Hip-hop, a pista aberta para bboys, bgirls e crews, no intervalo de cada duelo, o som continua. Bazar Cultural Doar cultura e exercitar o desapego é a proposta do Bazar Cultural do Xibé está de com venda de Livros, CD’s, DVD’s, gibis e outros artigos culturais que foram doados. Parte da renda arrecadada pelo bazar será destinada a compra de instrumentos de percussão que serão doados ao Grupo...

Leia Mais
Get Up, Stand Up!
dez16

Get Up, Stand Up!

Tem semanas que a coluna Metendo a Colher não é alimentada. Confesso que resisti em escrever sobre o Prêmio Xibé deste ano, antes que ele acontecesse, mas há 11 dias do evento, já tenho a alma lavada de que tudo vai ocorrer da melhor forma possível. Otimismo está sim na minha prateleira de prioridades, mas acima de tudo o que tenho é confiança na minha honestidade. É claro que a crise iria atingir a arte. Em quem ela não bateu? Porque comigo seria diferente? Passei semanas em dilemas cruéis sobre a continuidade da premiação, adiar mais um pouco com o compromisso incessante de realizar uma festa a altura dos premiados. Recebi ‘não’ de todas as esferas, muitos sequer retornaram meus telefonemas. O Facebook é vilão de muita gente mas essas ‘lembranças’ que ele lança, funcionam comigo. Outro dia, a memória foi de quatro anos, quando herdei o ‘Xibé’ do Amauri Frazão e do Romulo Oliveira (Manga Verde), recebi o incentivozaço do Ivan Brito sobre fazer um “Prêmio”. Com o certo proposito de que aquelas pessoas PRECISAVAM de algum reconhecimento. Mesmo que tenha entrado inúmeras frações de cachês, ninguém pode negar o valor de um troféu. Além desses amigos, que me acompanham até hoje, onde quer que estejam. Minha equipe é forte, agem como gurus na hora do meu desespero. Engraçado, me sinto confortável até para me desesperar. E toda vez que saio de casa, me sinto mais fortalecida sobre essa proposta. O Prêmio Xibé se expandiu e eu também. Conseguimos 15 curadores, oito staffs e mais de 40 bandas participantes. Desejo a sorte aos concorrentes das categorias populares, posso adiantar que estou muito satisfeita com o resultado da curadoria. Tivemos que adaptar o projeto inicial que era de um local aberto, com atividades esportivas e programação durante o dia, mas a Prefeitura não facilitou e tivemos que nos adequar ao ambiente fechado. Humildemente convido os amantes do Hip-Hop para prestigiarem o evento. Vamos fazer a segunda batalha de MCs, Xibé na Rima 2.0, pista aberta para os Bboys, Bgirls e crews. Quem vai cuidar do baile é a moçada do Orígenas, capitaneada pelo ganhador do segundo Prêmio Xibé na categoria de Revelação 2014. Digue lá se eu não tenho um dedo bom? Nas áreas externas terão stands de gastronomia, vai ter bolo do aniversário de 2 anos do Portal Xibé. Vai ter o Bazar Cultural que vamos vender um acerto muito bom de livros, CDs, DVDs, HQs e muita coisa de qualidade. A renda arrecadada será destinada a compra de instrumentos pro Grupo Musical Singeleza que fica no Grande Vitória, Zona Leste de Manaus. Vamos conhecer os vencedores deste...

Leia Mais