Get Up, Stand Up!

Tem semanas que a coluna Metendo a Colher não é alimentada. Confesso que resisti em escrever sobre o Prêmio Xibé deste ano, antes que ele acontecesse, mas há 11 dias do evento, já tenho a alma lavada de que tudo vai ocorrer da melhor forma possível. OtimisTopo portal evento2 15.16.48mo está sim na minha prateleira de prioridades, mas acima de tudo o que tenho é confiança na minha honestidade.

É claro que a crise iria atingir a arte. Em quem ela não bateu? Porque comigo seria diferente? Passei semanas em dilemas cruéis sobre a continuidade da premiação, adiar mais um pouco com o compromisso incessante de realizar uma festa a altura dos premiados. Recebi ‘não’ de todas as esferas, muitos sequer retornaram meus telefonemas.

O Facebook é vilão de muita gente mas essas ‘lembranças’ que ele lança, funcionam comigo. Outro dia, a memória foi de quatro anos, quando herdei o ‘Xibé’ do Amauri Frazão e do Romulo Oliveira (Manga Verde), recebi o incentivozaço do Ivan Brito sobre fazer um “Prêmio”. Com o certo proposito de que aquelas pessoas PRECISAVAM de algum reconhecimento. Mesmo que tenha entrado inúmeras frações de cachês, ninguém pode negar o valor de um troféu.

Além desses amigos, que me acompanham até hoje, onde quer que estejam. Minha equipe é forte, agem como gurus na hora do meu desespero. Engraçado, me sinto confortável até para me desesperar. E toda vez que saio de casa, me sinto mais fortalecida sobre essa proposta. O Prêmio Xibé se expandiu e eu também. Conseguimos 15 curadores, oito staffs e mais de 40 bandas participantes.

Desejo a sorte aos concorrentes das catbazar-xibéegorias populares, posso adiantar que estou muito satisfeita com o resultado da curadoria. Tivemos que adaptar o projeto inicial que era de um local aberto, com atividades esportivas e programação durante o dia, mas a Prefeitura não facilitou e tivemos que nos adequar ao ambiente fechado.

Humildemente convido os amantes do Hip-Hop para prestigiarem o evento. Vamos fazer a segunda batalha de MCs, Xibé na Rima 2.0, pista aberta para os Bboys, Bgirls e crews. Quem vai cuidar do baile é a moçada do Orígenas, capitaneada pelo ganhador do segundo Prêmio Xibé na categoria de Revelação 2014. Digue lá se eu não tenho um dedo bom?
Nas áreas externas terão stands de gastronomia, vai ter bolo do aniversário de 2 anos do Portal Xibé. Vai ter o Bazar Cultural que vamos vender um acerto muito bom de livros, CDs, DVDs, HQs e muita coisa de qualidade. A renda arrecadada será destinada a compra de instrumentos pro Grupo Musical Singeleza que fica no Grande Vitória, Zona Leste de Manaus.

Vamos conhecer os vencedores deste ano, outras novidades da música e a Mostra de Videoclipes, enfim! É um evento para toda a família, será no último domingo do ano, dia 27, a partir das 19h. A ideia é ocupar todos os espaços da Drum Pub, antiga A2, na Rua Saldanha Marinho, 780, Centro. Amanhã eu divulgo sobre quais serão os shows da grande noite. Desde já conto com  a presença vocês considerados!

Renata Paula

Author: Renata Paula

Jornalista profissional, editora de conteúdo do Portal Xibé e repórter nas melhores horas.

Share This Post On
468 ad