Portal Xibé comemora 1 ano com shows, fotografia e abaixo assinado em favor de culinária

Pegando carona na nuvem da web e no consumo de informação cada vez mais crescente via Internet, o PORTAL XIBÉ completou seu primeiro ano de existência em evento marcado pela diversidade e pluralidade cultural, marca do primeiro portal colaborativo de comunicação do Amazonas, que surgiu para representar a língua do amazonense.

O evento reuniu tribos de diversos segmentos no Anfiteatro do Parque dos Bilhares, no último domingo (28) com apresentações das bandas vencedoras do III Prêmio Xibé da Música Amazonense, fotografia, poesia e artes em geral. Na avaliação da coordenadora e uma das fundadoras do Portal, Renata Paula, o evento consolidou a proposta de desmistificar o preconceito, misturando estilos e apresentando uma autêntica versão baré de uma boa festa.

A abertura do evento foi por conta de Rafael Marques, vencedor da categoria Voto de Confiança pra 2015, em seguida foi a vez da Revelação 2014: Selva Madre com um som instrumental e de excelente qualidade. No inicio da noite, quem chegou foi os roqueiros da Superalma, banda de Thomaz Campos, vencedor da categoria de Melhor Baixista.

Na Batalha de Rima, MC Koren levou a melhor, ele voltou pra casa com um microfone novo, camiseta do Xibé e livro O Incendiário. Em segundo lugar, foi o Robson Colares, mais conhecido como Elle que levou camiseta da loja Hey You, mais kit do Xibé.
Após a Batalha, foi a vez dos vencedores das categorias Melhor Guitarrista, Melhor Vocalista e Melhor Música, todos da banda Reconnect, uma das mais esperadas da noite, “Fazer Acontecer”, teve mais de nove mil votos e é uma das mais pedidas nas rádios locais.

Sem tempo pra descanso, quem deu continuidade foi a banda do vencedor da categoria de Melhoor Baterista, Numbness, que atraiu a multidão, ativou a roda de pogo e energizou os presentes no palco. Para fechar, a Melhor Banda de 2014: Nekrost assumiu o fim da festa, tirou todo mundo do chão e ainda deixou um gostinho de quero mais.

Foto: Ilyucha Porto/Killerframe

Foto: Nekrost – Crédito: Ilyucha Porto/Killerframe

O aniversário também contou com a exposição Selva de Riscos, assinada por Rakel Caminha, Marla Freire e Anthony Nobre. Com a curadoria e desenhos de Giuliano Andrade e poesia concreta de Cássio Oliveira.

Culinária é cultura

O evento marcou ainda o lançamento de um abaixo assinado pedindo a inclusão da gastronomia nas liberação de portaria para Lei Rouanet. Segundo Renata Paula, trata-se do reconhecimento da culinária como uma das vertentes culturais mais presente e consumida na sociedade. O bolo do aniversário do Portal Xibé, servido no evento, foi uma cortesia de Laricalicious, assim como o pernil ao molho com farofa, do restaurante Zefinha Bistrô, do calzone de Tacacá e Bola de Sardinha da Lu Kituts e a Lasanha Caboquinha de Nancy Ferraz.

Sobre ser Xibé

Ser colaborador é compartilhar quando um prato bonito e delicioso chega à nossa frente, a gente esquenta o caldo do Pirão e apresenta um bom prato. É quando damos um Rolê pela cidade em busca de algo autêntico, bruto, cultural. Ou quando aprendemos engenhosidades e o Arco da Flecha parece ser a mais representativa forma de tecnologia.

Ser XIBÉ é também quando a gente não mede palavras e contar a história de alguém que é Considerado e jogamos a Tarrafa para pescar o essencial e nutritivo. E quando o clima esquentar, pode jogar e quatro paredes e revelar tudo no Transamazônica. Conheça o portalxibe.com.br e faça parte dessa corrente!

Redação

Author: Redação

Share This Post On
468 ad