Os seis NOKIA da minha vida!

000000nokia Não sei por quê cargas d'água (além da que está caindo lá fora) resolvi hoje fazer uma retrospectiva dos celulares que tive na vida. Eu sou com meus celulares um tanto quanto sou com meus namorados, então não espere nada de tirar o fôlego: prefiro os confiáveis, divertidos, com personalidade e duráveis, para relacionamentos longos e apaixonados. E sou fidelíssima. #1 Nokia 3310 (2002)  Meunokia3310 primeiro celular foi um modelo igualzinho a esse da foto. Ganhei dos meus pais pouco antes de embarcar para a Finlândia pela primeira vez. A ideia era justamente ter um jeito de me comunicar com eles por lá, já que o bichinho já funcionava com chip (é, essa tecnologia já foi novidade). Bom, quando eu cheguei lá, não sei por quê, ele não funcionou de jeito nenhum, mas eu o usava como relógio às vezes - e foi assim que eu consegui numa noite, voltando de um bar, perder esse celular branquinho num montorolho de neve. E sem eu ter nem como fazê-lo tocar para localizá-lo!! Bicho, ele passou mais de meia hora perdido, sério mesmo. Eu o desliguei e só voltei a ligá-lo dias depois, mas até pareceu que nada tinha acontecido. Usei este celular por bastante tempo, derrubei-o inúmeras vezes, enfim... Sempre fui meio desastrada. Acho que não preciso nem ter vergonha de assumir que, a princípio eu quis um Nokia só porque é finlandês. Mas eu me surpreendi com ele em todos os sentidos. Quando minhas amigas com celulares mais modernos e descolados da mesma operadora que eu não tinham sinal, o meu tinha. Quando a bateria de todo mundo acabava, a minha continuava firme. Quando alguém derrubava o telefone, geralmente eles "espatifavam", a capa saía e tudo o mais, mas pra sair a "carenagem" do meu 3310, tinha de ser um senhor tombo. E depois, era só montar tudo de novo e tava beleza, hehehe. Além do famoso "jogo da cobrinha", uma das coisas mais legais desse celular era o "composer": dava para fazer toques no maior estilo "8 bits", apertando os botões do teclado. Com nota, afinação e tudo! Meu toque era uma "versão exclusiva" de "Black Sheep" do Sonata Arctica,e meu protetor de tela favorito era esse das bolinhas, como o da foto no início desse post. Esse celular tinha uma agenda que vou te contar e quase levou meus pais à falência, pois era pós-pago e eu vivia trocando SMSes transatlânticos o dia inteiro com a conexão Pólo Norte. No final de 2004, comecei a namorar, e como eu não gostava de andar com bolsa e meu ex vivia cheio de bolsos, geralmente deixava meu celular com ele. Resultado: um belo dia, ele o perdeu.   #2 Nokia 1100 (2005)nokia_1100 Ganhei esse da minha mãe, e o que eu mais gostava nele era da lanterna. Aquela lanterninha quebrava um galhão! Além do que, ele era levinho, tinha um design lindo, um teclado super confortável e com um toque muito agradável (ok, isso soou como propaganda de papel higiênico). Infelizmente, nosso romance durou pouco: apenas uns meses depois fui a uma balada universitária com meu namorado, e ele - mais uma vez, sim - perdeu meu celular. E eu passei um tempo usando um 3310 aposentado da minha mãe.   #3 Nokia 1650 (2008) nokia1650 Eu sei que a foto tá péssima, mas é a mais próxima de parecer com meu saudoso 1650 que eu encontrei. Só que meu teclado não tinha esses caracteres asiáticos... Enfim, este celular foi presente do meu (agora) ex-mar ido (sim, o mesmo que perdeu meus dois primeiros Nokias Eu já devia saber por aí que não ia dar certo..!). Foi meu primeiro celular de tela em cores. Incrível, né? Esse também passou por poucas e boas: caiu na privada (sempre acontece...facepalm), foi mordido pelo cachorro...e mesmo assim, agüentou bonitão, Ok, talvez não bonitão. Mas firme em funcionamento..!   #4 Nokia 5130 XpressMusic - Edição especial Kate Perry (2010) nokia5130xpress-music Ganhei de aniversário, mas "em troca" fui obrigada a me desfazer do 1650, que eu me recusava terminantemente a abandonar ("Pra quê? Tá funcionando tão bem..!"). Tinha bateria o suficiente pra viajar de Manaus-AM à São João da Baliza-RR ouvindo música numa boa. O som dele era legal e eu adorava o design dele, apesar de ser um pouco pesadão. Ele caiu váááárias vezes e eventualmente ficou coberto de adesivos do Bob Esponja. Viajamos juntos para muitos lugares que eu jamais vou esquecer. Fiz e recebi ligações maravilhosas. Era uma edição especial que já vinha carregada com o novo CD da Katy Perry "One of The Boys", e assim até as músicas daquele CD fazem parte da trilha sonora de uma fase muito especial da minha vida. Até o... #5 Nokia C3 (2011) nokiac3 Por incrível que pareça, o teclado QWERTY- hoje um item que eu considero maravilindo num celular - me assustou um pouco no começo. Mas a tela grande, o wireless e o aplicativo do Orkut me fizeram cair rapidinho de amores pelo meu C3. Estamos juntos até hoje, apesar de muitos trambolhões, uma tela quase fosca de tantos riscos, botões descascados e uma capa meio encardida. Esse sim, foi comigo pra Finlândia e funcionou direitinho! Não tinha neve para ele se perder, mas andou dentro das minhas botas por Helsinki inteira, acampou no bosque no festival de punk em Puntala, tirou fotos preciosíssimas e guarda meus mais estimados tesouros musicais. Pois é. Talvez já seja mesmo hora de evoluir, Meu casamento acabou e meu coração já está balançado por outro...   #6 Lumia 920, eu sonho tanto com você..! 00000nokia920

Author: Rosa Moraes

Share This Post On
468 ad