Toca Madonna leva Madame X pra pista
jun12

Toca Madonna leva Madame X pra pista

Novo álbum de Madonna, Madame X, será lançado na próxima sexta-feira, 14. Medellín, I Rise, Crave, Future e Dark Ballet foram os 5 singles lançados deixando os fãs agitados. Os selecionados para esta produção musical foram Mirwais, Mike Dean ou Diplo. Participa também Maluma, nas faixas Medellín e Bitch, I'm loca. O Brasil está representado por Anitta, em Faz Gostoso. Além da presença americana de Quavo, do Migos (grupo de rap), na envolvente melodia de Future; e por fim a cantora Swae Lee, em Crave. Que dreamtime! Os fãs de Manaus Vão celebrar mais uma edição Toca Madonna na próxima sexta-feira, dia 14 de junho. A partir das 21h o Espaço Cultural Curupira Mãe do Mato fire burning on the dance floor com as atrações confirmadas Dj Paulo Soares, Drag Dj Onika Killa e Dj Revict. Os ingressos custam R$10 reais na bilheteria. “Decidi chamar meu álbum de Madame X. Uma agente secreta viajando ao redor do mundo, trocando sua identidade, lutando por liberdade, trazendo luz a lugares sombrios. Ela é uma professora de dança, uma professora, uma chefe de estado, uma governanta, uma prisioneira, uma estudante, uma professora, uma freira, uma cantora de cabaret, uma santa e uma prostituta“, Em um vídeo postado em sua rede social, Madonna explica quem é Madame X. Considerado o trabalho mais inovador, Madame X se apresenta diferente e diverso com músicas nada comerciais. Destaca ainda as principais tendências globais do eletrônico, pop, reggae, funk, tudo tem influência na proposta do novo som. Há quem diga que Madonna contraria as lógicas radiofônicas. Ela não gosta muito que falem da sua idade, porém não se pode deixar de reconhecer a potência criativa ao apresentar o seu novo trabalho. Para quem estava com saudade, Madonna voltou! O quê?: Toca Madonna Madame X com Paulo Soares, Drag Onika Killa e Revict Quando?: 14 de junho de 2019 (sexta-feira), às 21h Onde?: Espaço Cultural Curupira Mãe do Mato Av. Sete de Setembro, 1710. Centro Quanto?: ingressos R$10 na bilheteria Texto: Paulo...

Leia Mais
Gabriel Daluz: Do Rap para outros lugares sonoros
maio23

Gabriel Daluz: Do Rap para outros lugares sonoros

Partindo da cultura hip hop e periférica, de onde o rap traduz boa parte da vivência de quem é de lá, o cantor, compositor e prodígio produtor musical Gabriel Daluz, lança a faixa Capitu, seu primeiro trabalho em 2019, envolta numa atmosfera vaporwave eletrônica. Figura pouco vista ainda nos bailes do estilo pela cidade, mas assíduo na produção de suas próprias músicas e de outros artistas do cenário rap de Manaus, o jovem artista Gabriel Daluz, agora com 22 anos, lançou em 2017 seus primeiros singles (Algumas palavras e Margarida) e a mixtape Marco Zero. A mixtape foi totalmente produzida e gravada pelo cantor e contou com participações de veteranos do rap amazonense como Igor Muniz e SPreto. Em 2018, além de colaborar em outros projetos, Gabriel ainda lançou as faixas Buquês, em parceria com Wesley Simplício e Buquês 2 - essa segunda em parceria com os rappers Nixon $ilva e Hud. Em 2019 o artista ainda empreende com seu selo, a gravadora Fita Wave, com serviços de produção, gravação, mixagem e masterização. Daluz prevê mais lançamentos esse ano, colaborando em músicas com os artistas amazonenses Victor Xamã, Vinícius Abílio, Ian Lecter e Elisa Maia. Gabriel Daluz, que assina sua rima com melodias, agora se arrisca em batidas para além do rap e se apresenta como cantor, incorporando outras nuances à sua composição e jeito de cantar. A faixa Capitu, que faz referência ao clássico Dom Casmurro, de Machado de Assis, na sonoridade se contrapõe usando elementos da música eletrônica, aliada à uma estética vaporwave, que é caracterizada por um ambiente nostálgico do que seria futurista no auge dos anos 80 e 90. A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais (Spotify, Deezer, ITunes, Google Play) e também no canal do YouTube do cantor. Confiram a faixa capitu aqui Gabriel Daluz na internet: Facebook - facebook.com/ogabrieldaluz YouTube - bit.ly/YouTubeGabrielDaluz Instragram - @daluzft Fita Wave (selo): Site - fitawave.wixsite.com/fitawave Instragram - @fitawave...

Leia Mais
Arlindo Jr comemora aniversário com noite de autógrafos
maio20

Arlindo Jr comemora aniversário com noite de autógrafos

Hoje, no dia em que completa 51 anos, Arlindo Jr quer receber fãs e amigos para uma noite de autógrafos. O 'Pop da Selva' lançará seu novo projeto 'O boi dá samba', a partir das 18h, no Edmilso Lanches, localizado na avenida Professor Nilton Lins, Parque das Laranjeiras. De acordo com o artista, a venda dos CDs vai ajudar no custeio do seu tratamento médico feito em São Paulo. "Convido a todos os amigos e fãs para essa noite de autógrafos. Espero encontrar todos vocês lá, para fazer desse momento mais um encontro especial. Isso me fortalece", disse o ex-levantador e ex- apresentador do Caprichoso. Arlindo tenta se recuperar, desde novembro de 2016, de um câncer na pleura, uma membrana dupla, semelhante a um saco, que envolve o pulmão. "Aproveito para dizer para as pessoas que nunca vou desistir. Que tenho uma família maravilhosa que estará comigo e amigos que me ajudam e me ajudarão. Deus está comigo. Não me deixa faltar. E, com certeza, desta vez não será diferente”, finalizou o Pop da Selva. Artista: Arlindo Junior Álbum: O Boi Dá Samba Ano: 2019 Selo: Colorau Records Gravação: AmazonasArts Produções Produtores: Joel Maklouf, Tilla Jones, Orley Dias & Mano Jorge. 01. Abertura: O Boi Dá Samba (Ao Vivo) Orley Dias, Tilla Jones 02. Meu Amor é Caprichoso (Ao Vivo) Chico da Silva, Andréa Silva, Silvana Silva 03. Vermelho (Ao Vivo) Chico da Silva 04. Sentimento Incontrolável (Ao Vivo) Marlon Oliveira, Cristiano Cordeiro, Roberto Jr., Delio Diniz, Leon Medeiros 05. Pesadelo dos Navegantes (Ao Vivo) Ronaldo Barbosa 06. Coração de Torcedor (Ao Vivo) César Moraes 07. Perrechés do Brasil (Ao Vivo) Ivo Meireles, Sandro Putnoki, Vanderlei Alvino 08. Gavião Real (Ao Vivo) Chico da Silva 09. A Cor do Meu País (Ao Vivo) Adriano Aguiar, Suammy Patrocinio 10. O Ritmo é de Boi (Ao Vivo) Adriano Aguiar 11. Bicho-Homem (Ao Vivo) Carlos Paulain, Ronaldo Barbosa, Simão Assayag 12. O Boi Dá Samba (Ao Vivo) Mano Jorge, Gilson Bernini 13. Conselho / Insensato Destino (Ao Vivo) Adilson Bispo, José Roberto / Mauricio Lins, Chiquinho Vírgula, Acyr Marques 14. O Amor Está no Ar (Ao Vivo) Chico da Silva 15. Vento Norte (Ao Vivo) Ariosto Braga, Zezinho Cardoso 16. Povo Festeiro da Ilha (Ao Vivo) Adriano Aguiar 17. Ritmo Quente (Ao Vivo Alex Pontes, Mailzon Mendes 18. Alegria de Dançar (Ao Vivo) Alceo Anselmo 19. Amazônia, Nas Cores do Brasil (Ao Vivo) Adriano Aguiar 20. A Cor do Meu País (feat. Neguinho da Beija-Flor & David Assayag) [Bonus Track] Adriano Aguiar, Suammy Patrocinio O disco custa R$20 e ganha um autografo exclusivo. Claro que também dá pra fazer uma selfie com...

Leia Mais
Domingão com a Feira do Hip-Hop Manaus
mar30

Domingão com a Feira do Hip-Hop Manaus

Neste domingo tem a Primeira Feira do Hip Hop de Manaus, a partir das 10h, no Complexo Turístico da Ponta Negra bem ao lado da Pista de Skate. O evento vai reunir todos os elementos que compõem o Hip Hop e leva força à comunidade no combate a violência. O idealizador do evento e responsável pelo projeto Opção Sonora, é o Márcio Cruz, o DJ e MC Fino, veterano na militância do conhecimento o anfitrião convida todos os artistas e amantes do Hip-Hop para comparecer e fortalecer a iniciativa. "A feira é uma proposta de união de quem está fomentando a arte em cada um dos elementos e também para sensibilizar a importância na formação de opinião da sociedade quanto a violência urbana", acrescentou. A programação vai até às 19h e conta com os principais grupos de Rap, batalha de MC's, grupos de dança, grafitti e sorteio de brindes das marcas apoiadoras. A próxima edição da feira será no final de Abril, no Parque dos...

Leia Mais
Bloco da Tombação 2019
mar28

Bloco da Tombação 2019

Idealizado e produzido pela DJ e produtora amazonense Naty Veiga, a Miga, Sua Lôca Festival de Cultura e Diversidade, apresenta o Bloco da Tomação 2019. O evento, que tem acesso gratuito, acontece nos dias 30 e 31 de março na Casa das Artes, no Largo de São Sebastião e propõe música, debates e outras interferências. A ideia do evento, totalmente protagonizado por mulheres é ainda engrossar o mês de lembrança de luta das mulheres. Só sábado, 30, a programação inicia  às 15h, com o set da DJ Naty Veiga, especialmente preparado para o evento, destacando uma música feminista, feitas por mulheres do cenário musical brasileiro. E de 17h às 19h acontecem as rodas de conversas com os temas, ‘Feminicídio e Violência contra a mulher: o papel da rede de proteção’, mediada por Marklize Santos e Erika Carmo; ‘Saúde da Mulher - Violência Obstétrica Manaus’, mediado pelo Humaniza Coletivo Feminista; ‘Saúde Mental da Mulher Negra Lésbica’, mediada por Dandara Lorena, do grupo Encrespa Geral - Manaus; e ‘Saúde Mental da Mulher Negra Bissexual’, mediada por Raescla Ribeiro, da Coletiva Banzeiro Feminista’. A DJ Naty Veiga também fecha o sábado com seu set feminista. Já no domingo, a música das mulheres dá o tom do evento, com a participação da cantora Elisa Maia, que apresenta seu novo set voz&notebook, propondo uma experiência mais intensa e íntima com músicas que farão parte de seu próximo álbum; a MC Anna Suav, que apesar de amazonense, atua no cenário musical paraense, onde reside atualmente; a cantora Karen Francis, jovem revelação da música amazonense, que interpretará as músicas de seu EP Acontecer; e a cantora Bel Martine, forte atuante do cenário noturno da música amazonense. Ainda acontecem os sets da DJ Naty Veiga, dessa vez tocando repertório de AfroHouse e Black Music  e a DJ Carolina Blois, tocando Brasilidades, em seu set exclusivo de vinil. No evento também estará a A Uni Manas, que é um projeto que tem como principal objetivo arrecadar absorventes descartáveis para detentas, visto que muitas vezes o Estado não fornece o suficiente. O Bloco da Tombação receberá doações de absorventes nos dois dias. O Bloco da Tomação 2019 é uma realização da Miga, Sua Lôca Festival de Cultura e Diversidade, com apoio de Humaniza Coletivo Feminista, Encrespa Manaus, Coletiva Banzeiro Feminista, Coletivo Difusão, Secretaria de Cultura do Amazonas - SEC-AM, 8M Manaus e Una LGBT Amazonas. PROGRAMAÇÃO RODAS DE CONVERSA - 30 DE MARÇO ( Sábado ) – 15h Abertura e encerramento: Dj Naty Veiga ( Música feminista ) Feminicídio e Violência contra a mulher: o papel da rede de proteção - Marklize Santos e Erika Carmo - 8M -...

Leia Mais
7º Sarau das Manas é neste sábado (30)
mar28

7º Sarau das Manas é neste sábado (30)

O 7º SARAU DAS MANAS fecha o mês de lembrança de luta das mulheres nesse sábado, dia 30, com um dia inteiro de MUTIRÃO DE CUIDADOS DA MULHER, no Instituto de Cidadania e Desenvolvimento Social do Amazonas - ICDSAM. Pela manhã e parte da tarde acontecem atendimento médico e serão oferecidos ainda serviços de massagem, manicure e pedicure, maquiagem, design de sobrancelhas, tatuagem e bodypiercing*. Na parte da tarde, estão previstas apresentações musicais, com as artistas Elisa Maia, Anna Suave, Lary Go & Strela e o grupo Maya, além do microfone que ficará aberto para que as mulheres possam se manifestar, seja lendo poesia, rimando, deixando sua mensagem.  O Sarau das Manas é uma realização da banca Todas São Manas - idealizado a partir do Festival Todas São Manas, pela grafiteira e artista visual Deborah Erê, o grupo é formado por artistas mulheres da cultura hip hop de Manaus/AM, que atuam nas mais diversas linguagens (grafiteiras, MCs, DJs, produtoras, bgirls) com o objetivo de gerar autoestima, visibilidade e desenvolver ações que visam autonomia financeira. E em sua sétima edição, o Sarau das Manas também acontece em parceria com a  Coletiva Branzeiro Feminista, que desde 2012 realiza diversas ações dentro de atuações interseccionais que combatem o machismo, o sexismo, o racismo e a lgbtfobia e toda e qualquer forma de opressão. A Coletiva captanea pela manhã também a roda de conversas ‘Autoestima que liberta’, mediada pela ativista Aline Maionese.  O Sarau das Manas, que já ocupou galeria de artes, praça pública e outros espaços, dessa vez aporta no Instituto de Cidadania e Desenvolvimento Social do Amazonas - ICDSAM, que é uma Organização Não Governamental, sem fins lucrativos, criada na cidade de Manaus, no bairro de Educandos, a partir de iniciativas de um grupo de moradores preocupados com a situação da vulnerabilidade social no bairro e que tem como finalidade promover ações socioeducativas, esportivas e culturais de inclusão social, por meio de diversas parcerias. O Instituto atualmente ocupa o prédio de uma antiga delegacia abandonada, na Rua Macurany, no bairro de Educandos e abriga cerca de cinco família desabrigadas por conta do grande incêndio que aconteceu no bairro no final do ano passado. O evento ainda conta com apoio do Coletivo Difusão e Angel e...

Leia Mais