Ateliê 23 lança trilha sonora do projeto ‘Ouve’ nas plataformas digitais
mar02

Ateliê 23 lança trilha sonora do projeto ‘Ouve’ nas plataformas digitais

As performances em formato intimista estão disponíveis no Instagram e no canal da companhia no Youtube Está no ar a série de vídeos que compõe a nova edição do “Ouve”, projeto do Ateliê 23, assinado por Wilas Rodrigues, com trilhas autorais dos espetáculos “da Silva”, “Janta”, “Helena” e “Vacas Bravas”. Até quinta-feira (4/3), o público confere as performances em formato intimista no Instagram e no canal da companhia no Youtube (@atelie23). O projeto foi contemplado no Edital Prêmio Manaus de Conexões Culturais, da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (ManausCult), por meio da Lei nº14.017/2020, conhecida como Lei Aldir Blanc. Segundo Eric Lima, intérprete nos acústicos desta versão do “Ouve”, no total, sete músicas vão ser lançadas em todas as plataformas digitais. Ele adianta que o lançamento oficial está programado para 15 de março, quando acontece ainda uma live em parceria com Wilas Rodrigues. “Vamos fazer uma apresentação de voz e violão durante 40 minutos, seguindo todos os protocolos de segurança”, adianta Eric. O ator conta que a equipe trabalhou os arranjos das músicas de forma presencial, ainda em dezembro de 2020, no entanto, os vídeos foram gravados neste período de isolamento social somente por ele, que utilizou diferentes ambientes de casa para compor os vídeos. “O Israel Nunes gravou todas as bases no estúdio e, a partir daí, comecei a gravar os vídeos com todo amparo técnico que eu tinha disponível e ângulos diferentes, explorando todas as possibilidades de cenário que a minha casa oferece e pensando no figurino que funcionaria para trazer a energia que eu queria em cada música”, comenta o artista. “Foi um processo empírico, mas muito orgânico, de pensar nessa organização com cuidado maior na parte do áudio, buscando melhorar a captação de voz já que não gravei no estúdio”. Programação – Estão disponíveis os acústicos de “O Tempo Voou”, do espetáculo da Silva; “Enterrada”, de “Vacas Bravas”, que ganhou um toque especial de Israel Nunes; e “Helena”, da peça com o mesmo nome. O diretor da companhia, Taciano Soares, explica que, por conta da pandemia do novo coronavírus, o Ateliê 23 reorganizou a programação e adaptou todos os projetos da casa para o formato virtual. “É uma forma de manter a proposta e acessar as pessoas, o que teve uma excelente resposta, porque as pessoas lembram dos espetáculos e isso nos dá uma satisfação”, afirma Taciano. “Apesar de termos que abolir o presencial em decorrência da pandemia, estamos conseguindo nos comunicar com nosso público, que é o objetivo principal, e aguardamos para retomar o projeto na sua forma original quando for possível, com segurança e com vacina”. Ateliê 23 – Em sete...

Leia Mais
O mise en place do chef no Prêmio Dólmã 2021
fev23

O mise en place do chef no Prêmio Dólmã 2021

Atuo há 22 anos no segmento de alimentos e bebida, com passagens em diversas funções, de copeiro a chef de cozinha, em restaurantes renomados como o Chez Geroges, Bar & Café Lè Brasilien e Cassino Americano. Conto também com a experiência e disciplina que obtive como cozinheiro na Marinha do Brasil, chegando até a compor a equipe de preparações de pratos para a alta cúpula militar da Holanda. Possuo 06 anos como docente do Ensino Superior, lecionando em três Universidades de Manaus (FAMETRO, UNINASSAU e CIESA), além de módulos em Pós-graduação da UNIVEL (Cascavel-PR) e na FAMETRO (Manaus-AM). Sou servidor público do Estado do Amazonas contribuindo com a melhoria da merenda escolar. Desde 2012 faço parte de um grupo de pesquisa vinculado ao CNPq, com atuação em projetos de pesquisa e popularização da ciência envolvendo o reaproveitamento e a elaboração de novos produtos alimentares com ênfase nos insumos amazônicos. chef, docente, gestor e gastrólogo Bruno Raphael Leitão, candidato ao Prêmio Dólmã 2021 na categoria estadual Amazonas. Há 05 anos atuo também como empresário do ramo de alimentos e bebidas na empresa Bar e Restaurante Taberna 88, onde participo do gerenciamento e desenvolvimento do cardápio. Desde 2016 participamos do evento nacional Comida di Buteco, conquistando o vice-campeonato nesse mesmo ano. Tenho experiência na área da Gastronomia desenvolvendo linguiças, defumados e queijos artesanais, produtos da panificação e confeitaria, cozinha brasileira de raiz com foco na regional amazônica, ministrando aulas show em eventos gastronômicos (FIGA – Feira Internacional da Gastronomia Amazônica e MANAUARA CHEF) ajudando a difundir a gastronomia Amazônica Brasil a fora; e na Tecnologia de Alimentos realizo trabalhos voltados a análise se alimentos, análise sensorial, desenvolvimento de novos produtos alimentícios, analises microbiológicas e vida de prateleira. Atualmente venho prestando serviços de consultoria para estabelecimentos de A&B da nossa região. Clique aqui para votar no Prêmio Dólmã 2021 Print da página de votação dos internautas do Prêmio Nacional Dólmã – Categoria Estadual...

Leia Mais
3º Encontro dos Amigos das Antigas
ago31

3º Encontro dos Amigos das Antigas

Se você tem saudade das festas de garagem da década de 90 leve seus amigos para se divertir na 3ª Edição do Encontro dos Amigos do Flashback anos 90’ dos Amigos do Belvedere, Flamanal e Adjacências. Será neste sábado, dia 5 de setembro, a partir das 14:00 no Bar do Mineiro localizado na Avenida Dublin entre os conjuntos Campos Elíseos e Jardim de Versailles, Zona Centro-Oeste de Manaus. O evento terá entrada gratuita, liberada para consumo no Bar do Mineiro que fica em frente à Borracharia do Gauchinho.  A iniciativa do Netão foi criar um evento para reunir as turmas da época dos anos 90, a famoso auge das festas de garagem como as da Mansão, Bad&Boy, Galvão, Noite do Vale Tudo e as casas noturnas como Star Ship, Spectron Disco, Cheik Club, Bancrévea,  Classe A, HotMix, Mikono’s, Hangar 39, Beer Dance e Notívagu’s. Quem viveu sabe que eram as mais badaladas da cena manauara e ele como promoter da noite garantiu a participação dos masters DJ’s, Alex Marcks e Raidi Rebello. A balada fica completa com Esteban do grupo Los Tiburones e os DJ’s Geraldinho, Netão do Forró, Marcos Batman e o produtor musical Augusto Omena.   Um dos organizadores do evento o empreendedor Marcos Paulo, articulou juntamente com o Netão do Forró e o Mário Jorge garantir o show do Los Tiburones Esteban, que: “fará show beneficente para o público na 3ª edição em razão à ação em prol do nosso amigo Mineiro”,  acrescenta Marcos Paulo. Além de reunir a turma, o Netão quer ajudar um amigo que estava passando por dificuldades de saúde e financeira, “Queríamos criar uma ação beneficente para ajudar o Mineiro e o evento na verdade, tornou-se uma estratégia de marketing para venda das bebidas e de quebra reunir a turma que gosta de escutar e dançar um bom flashback dos anos 80, 90 e ao mesmo tempo a nata dos DJ’s masters de Manaus”, explica o organizador. Para Mario Jorge é importante ressaltar o comprometimento de todos que estão na programação do encontro. “Estamos reunindo toda a turma,  os artistas do evento se doaram para realizar essa ação,  fizeram de coração para ajudar e em tempos de pandemia torna-se mais um ato de altruísmo e é bom ver que todos os artistas abrirão mão de seus cachês para ajudar o próximo”, lembra. As edições estão programadas a acontecer a cada trimestre:“a nossa segunda edição aconteceu no mês de fevereiro época do Carnaval e infelizmente com a pandemia tivemos que dar uma parada, pois a edição seguinte seria no mês de Abril e como estão flexibilizando aos poucos resolvemos por conta do feriado...

Leia Mais
Chef Bruno Raphael é indicado ao Prêmio Dólmã 2020
fev05

Chef Bruno Raphael é indicado ao Prêmio Dólmã 2020

Chef Bruno Raphael Difusor da gastronomia Amazônica o chef e professor de gastronomia Bruno Raphael é um dos indicados ao Prêmio Nacional Dólmã. A indicação aconteceu por juri popular e o resultado no final de Maio em Teresina-PI. Além de Bruno, estão concorrendo pelo Amazonas os chefs Alessandro Rodrigues (indicação do embaixador) e Ricardo Andrade Penha (vencedor do concurso profissional) . O PRÊMIO NACIONAL DÓLMÃ foi idealizado pelo Gerente de Projetos e presidente do Grupo Conforto Gastronômico, Geraldo Guerra Junior, em junho de 2013. A ideia surgiu após um estudo de mercado que identificou a existência de uma demanda reprimida a respeito de um modelo de premiação que, em um único momento, envolvesse profissionais de cozinha de todos os estados brasileiros, é a reafirmação, o reconhecimento e a valorização do trabalho e da dedicação dos profissionais que se destacam na área gastronômica e que contribuem para o aquecimento da economia brasileira. Prêmio DÓLMÃ Levando em consideração que o Prêmio Dólmã é nacional, foi instituído duas categorias para a premiação: Categoria Estadual que premia 01 Chef por estado entre os 03 Chefs concorrentes e a Categoria Nacional que premia 01 Chef Nacional entre os 05 Chefs concorrentes. As indicações acontecem por três vias: Comissão de Pesquisa, indicação popular (internautas) e Chefs premiados das edições anteriores. Prêmio DÓLMÃ Na manhã que antecede a Cerimônia de Premiação é realizado com os Chefs premiados da atual e das anteriores edições o Encontro Nacional de Chefs do Brasil. A proposta do encontro é a socialização e a troca de experiências entre os Chefs brasileiros. Na ocasião os Chefs indicados usam as vestimentas dólmã da premiação juntamente com os aventais com as bandeiras dos seus respectivos estados. Além do registro da foto oficial do encontro, há a participação em intervenções gastronômicas, oficinas, palestras e degustações. A Cerimônia Oficial de premiação é a concretização de todas as atividades desenvolvidas no período desde as pesquisas, passando pelas indicações, pelas votações e até o resultado final. Em homenagem ao dia do cozinheiro comemorado no Brasil na data de 10 de maio, a Cerimônia do DÓLMÃ é realizada todos os anos na última semana do mês de maio. A Cerimônia foi criada e estruturada para ser, em cada estado onde é realizada, um sistema agregador, possibilitando o encontro e a troca de experiências da gastronomia dos estados brasileiros com as artes, a moda, a cultura e o profissionalismo local. Chef Bruno Raphael Chef BRUNO RAPHAEL Mestre em Ciência e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Pará. Especialista em Vigilância Sanitária e Qualidade dos Alimentos e Panificação e Confeitaria (em andamento). Graduado em Gastronomia e graduando em Tecnologia dos Alimentos....

Leia Mais
Marimari promove noite de vinho e jazz
nov28

Marimari promove noite de vinho e jazz

Neste sábado (30), os amantes de jazz poderão desfrutar de uma experiência de boa música e alta gastronomia no restaurante Marimari, situado no Pátio Gourmet, na avenida Via Láctea, conjunto Morada do Sol. O espaço abre pela primeira vez suas portas à noite com o evento Jazz & Wine, a partir das 18h. Com condução do cantor Humberto Amorim, o palco recebe a sonoridade e os músicos de qualidade da banda All That Jazz, que é referência do gênero em Manaus. O pré-show será da banda Big Rose, que promete “esquentar” a noite na levada do blues. Para saborear, o cardápio elaborado pelo chef do restaurante, Marcus Pompeu, oferecerá um buffet de antepastos, com queijos, embutidos, azeitonas, entre outras iguarias, além da gastronomia da casa, que vai desde pizzas, massas, frutos do mar até pratos regionais. E, como descrito no nome do evento, o vinho também será uma das estrelas da noite, harmonizando com as delícias preparadas. A realização do evento é uma iniciativa do DiVino Club, projeto das empresárias Nicolle Loureiro e Marcia Takeda que atua na popularização da cultura vínica na capital amazonense, bem como na promoção de produtos, distribuidores, estabelecimentos comerciais e pessoas ligadas ao tema. “Com o Jazz & Wine, o restaurante Marimari se transformará em uma autêntica casa de jazz, garantindo aos fãs do gênero uma opção incrível para aproveitar a noite em Manaus”, destaca Nicolle Loureiro. Não será cobrada entrada ou couvert artístico no evento. O cliente pagará apenas o...

Leia Mais