Almoço balada: Pacovan mistura música e culinária vegana
dez21

Almoço balada: Pacovan mistura música e culinária vegana

Vocês sabem como o negócio funciona aqui. A gente não sabe brincar. Resolvemos misturar dessa vez gastronomia vegana amazônica e sonoridades. Sabe onde isso vai parar? Num sábado delicioso com almoço, piscina liberada, diversão e encontros no dia 23 de dezembro, lá no Vila Vagalume. Para quem gosta badalar, não esqueça o protetor solar e a roupa de banho. Porque afinal de contas, a gente merece um mergulho num calor desse. Ingressos na bilheteria, naquele velho esquema: chegou, adquiriu ingresso a $10, entrou na festa, que vai até das 22h com Halley Santiago, Luana Aleixo, Uýra Sodoma, Naty Veiga e Pedro Cacheado. E para brindar esse retorno da Pacovan, a gente preparou uma diversão completa. Chegue cedo a partir das 11h e venha almoçar conosco. Cardápio vegano amazônico especial com Feijoada Vegana, Pacovan à Casaca, Vatapá Vegano, Rocambole de Batata com Tomate e Manjericão, Arroz 7 grãos com Brócolis, Farofa com Castanha, Tucupi com jambú, Salada com folhas com frutas brasileiras e molho de mostarda, Salada de legumes grelhados e para finalizar sobremesas Taperebá caramelizado, Creme de tapioca com doce de cupuaçu. Os cozinheiros serão Felipe Fernandes e Paulo Trindade. Atendimento será self-service no valor de $25 por pessoa com ingressos incluso. Aproveite e faça reserva pelo whastapp (92) 99407-5149. Começou a contagem regressiva. SERVIÇO Pacovan: Gastronomia vegana amazônica + música 23 de dezembro de 2017 11h às 22h Villa Vagalume 80 Av. Fernão Dias Paes, 80. Dom Pedro Ingresso - Balada $10,00 (11h às 22h) Ingresso - Almoço + Balada por pessoa $25,00 (11h às 15h) Reservas: (92)...

Leia Mais
Oficina de hand lettering com Lorena Pimentel sábado
nov08

Oficina de hand lettering com Lorena Pimentel sábado

Você sabe o que é hand lettering? A arte é conhecida como o desenho de letras e tem ganhado cada vez mais adeptos. Nas redes sociais, por exemplo, é comum ver trechos de músicas ou frases de filmes serem incrementadas com a criatividade de quem faz lettering. E, para quem quer aprender as técnicas dessa arte, no sábado (11) acontece um workshop na loja Jogo de Nós, localizada na rua Rio Içá, bairro Nossa Senhora das Graças. As inscrições estão abertas e seguem até a sexta-feira (10). A arquiteta Lorena Pimentel ministra o curso, que terá carga horária de 4h, com início às 15h. Para efetuar a inscrição, basta entrar em contato com Lorena no instagram @letradefangirl ou com a própria loja Jogo de Nós. O investimento é de R$ 120. Segundo Lorena, não há pré-requisitos para participar do workshop, como boa coordenação, caligrafia bonita ou habilidade de desenho. "Na oficina, os alunos aprenderam a desenhar diferentes tipos de letras, tipos de sombras, noções de brush lettering, banners e o processo de criação e finalização de um lettering", explica a arquiteta, que também faz encomendas de artes personalizadas e exclusivas. GUIA RÁPIDO: O que: workshop de hand lettering Onde: loja Jogo de Nós (Rua Rio Içá, 1012, entre as ruas Amapá e Rio Branco) Horário: das 15h às 19h Inscrições: na própria loja (com pagamento em dinheiro, débito ou crédito) ou com a oficineira, no instagram @letradefangirl (pagamento por depósito ou transferência bancária) Investimento: R$ 120...

Leia Mais
Como Fotografar o Pôr-Do-Sol
mar22

Como Fotografar o Pôr-Do-Sol

Fotografar o astro rei em sua despedida diária é uma paixão eminente em vários fotógrafos mundo a fora. Mais para obtermos fotos criativas e aproveitar o momento é bom ficar de olhos abertos também para algumas dicas. Vamos começar com a parte técnica: para uma boa exposição é bom prestar a atenção na luz que se encontra na cena. Um bom truque é diminuir a luminosidade que entra na câmera deixando a foto um pouco subexposta fazendo com que a luz do sol seja um fator trabalhando a nosso favor deixando nítidos detalhes da foto, isso que vai dar aquele clima cinematográfico na sua foto.  Você pode usar um ISO baixo (aconselho 100 ou 200) um diafragma bem fechado (eu quase sempre uso entre 7.1 e 11) e uma velocidade rápida, eu costumo casar o número da velocidade com o número do ISO usando entre 1/100 e 1/200. Vamos para a parte criativa então, nesse tópico cabe uma dica que pode lhe dar ótimas fotos. *Durante o pôr do sol sempre olhe para trás!* Isso mesmo, procure usar a luz do sol refletida no ambiente, nos objetos e nas pessoas a seu redor. Você pode aliar todos esses fatores para conseguir uma fotografia fantástica, lembre-se também que você pode usar as sombras a favor da sua composição. Não se esqueça de captar o céu ele vai estar em um de seus momentos mais lindos e você pode compor uma foto com um teto (piso=parte de baixo da imagem, teto=parte superior) incrível e dar aquele aspecto imponente para suas fotos usando uma composição que deixe o céu enorme. Outro ponto interessante a ser abordado aqui são as cores que estão impressas nesse momento do dia. Óbvio que você vai ter que levar em consideração um fator muito importante chamado meteorologia. O clima contribui e muito para a existência de algumas cores em determinados momentos do dia na natureza, por isso, preste a atenção também no balanço de branco da sua câmera para ela aproveitar ao máximo a cor amarelada que é característica dessa hora do dia, mas não deixe com que isso seja um empecilho: fotos em preto e branco também ficam muito lindas nessa hora e fora que você pode brincar com as cores e deixar o seu olhar falar mais alto. Somente mais uma dica: algumas regras foram feitas para serem desobedecidas, portanto, use o seu *felling* para sentir qual o melhor momento para a sua foto, mais não pestaneje e não deixe aquele segundo passar batido pela lente da sua câmera, ao final de tudo não adianta você ter o melhor equipamento do mundo e aquela pecinha...

Leia Mais