A ponte mais musical da floresta

Sítio Siloé - crédito: Luciélen Silva

Sítio Siloé - crédito: Luciélen Silva

Em 1995, mandei buscar no interior 60 tábuas de Itaúba para fazer o Palco do Coração Blue, em 2008 esse palco foi desmontado e meu amigo Cezar Portuga Wallace ficou como fiel depositário delas e de tantas outras partes do meu velho e querido bar. Em 2013 fui ao sitio do Portuga buscar o que ainda estava por lá e levei pro Siloé. Das tábuas de Itaúba e com esteios de uma Sapucaia que encontramos sem vida, fiz essa ponte sobre o Igapó. Tantos já passaram por ela e nem sabem mas se você se concentrar bem, ainda pode ouvir o Renato Almeida, o Sérginho Cara de Boneca, o Kokó Rodrigues, a Jukebox e Banda Overload, a Banda Essence, ou quem sabe a Reggae Flame, as bandas do Projeto Rock.com, as bandas dos Festivais de Metal do Denthrash Amazonas, ou quem sabe a Tô a Toa, o Frenesi, o Embalasamba, Vai Garotão, certamente vai ouvir a Casulo, Johnny Jack, Cileno ou até os Los Hermanos e o Planta e Raiz ... Uma verdadeira farra de lembranças cada vez que fico ai pescando ou simplesmente contemplando! Forte abraço à todos os meus amigos músicos e DJs que já passaram por essa ponte me ajudando a escrever uma parte da história musical dessa cidade de Manaus.

Author: Theófilo Alves

Share This Post On
468 ad